Breu Hidersine Special DB Contrabaixo Acústico

SKU
BC. Hidersine Special DB
Em estoque
a partir R$69,90
até 12x de R$5,83

R$66,41 à vista

desconto 5% à vista Boleto ou TED

-
+
Descrição Rápida

A série de breu Hidersine DB Special para contrabaixo acústico é feita com três formulações, contendo várias misturas diferentes de ceras, para criar o breu ideal para três climas distintintos. Os baixistas são capazes de encontrar a receita perfeita para sua situação pessoal.

  •  Até 10x no cartão s/ juros
  •  Desconto no Boleto/TED/PIX
  •  Rastreio Disponível
  •  Envio após aprovação de pagamento
  •  Entrega Rápida para Capital-SP
Disponível para:
- Retirar na Loja
- Receber em Casa

 

A série de breu Hidersine DB Special para contrabaixo acústico é feita com três formulações, contendo várias misturas diferentes de ceras, para criar o breu ideal para três climas distintintos. Os baixistas são capazes de encontrar a receita perfeita para sua situação pessoal.

DB3 é a mais dura das três fórmulas, o que a torna adequada para climas mais quentes, onde os derivados mais suaves podem se tornar muito macios.

Os breus Hidersine são feitos na Inglaterra da mesma maneira de sempre. Um processo artesanal de mistura e vazamento à mão. São muito tradicionais e utilizados no mundo todo.

- Breu para contrabaixo acústico
- Marca: Hidersine
- Modelo Special DB
- Materiais: colofônio e ceras naturais
- Tamanho: extra grande
- Peso: 40g (aprox)
- Origem: Inglaterra, Reino Unido
- Processo de fabricação: histórico / artesanal (feito à mão)
- Garantia contra defeitos de fabricação: 90 dias


nº 1 Cold (Suave)
- Perfil de temperatura: clima mais frio
- Característica do som: quente e rico
- Classificação do perfil de aderência 8 (1: aderência baixa / 10: aderência alta)

nº 2 Medium (Médio-Suave)
- Perfil de Temperatura: clima temperado / médio
- Característica do som: quente e rico
- Classificação do perfil de aderência 7 (1: aderência baixa / 10: aderência alta)

nº 3 Hot (Mais Rígido)
- Perfil de temperatura: clima mais quente
- Característica do som: quente e rico
- Classificação do perfil de aderência 6 (1: aderência baixa / 10: aderência alta)

Mais informações
marca Hidersine
Origem Inglaterra
Escreva sua Própria Avaliação
Produto:Breu Hidersine Special DB Contrabaixo Acústico
Como você avalia este produto?
Talvez você se interesse por estes produtos

Breus para Arco

O QUE É BREU?

O breu serve para permitir aderência entre o arco e as cordas do instrumento. É uma substância rígida que o músico precisa passar no arco para emitir som. Utilizado em instrumentos de arco: violino, viola, violoncelo e contrabaixo acústico.

O BREU, também conhecido como Resina ou Colofônia, é um acessório de suma importância para os instrumentos de arco. Ele tem de ser utilizado na quantidade certa para que a fricção produza o som que o músico deseja. Excesso de breu pode fazer o arco não se mover suavemente, e o som ficar áspero, e pouco breu pode fazer o som ficar fraco. Com o tempo cada músico encontrara o equilíbrio e a quantidade correta de utilização.

A principal composição do breu é a colofônia, que nada mais é do que uma resina feita a partir da seiva de pinheiro. Mas, a colofônia não é utilizada pura e sozinha. Cada marca de breu possui sua fórmula específica, sendo composta por outros ingredientes e passando por purificações, processos, aquecimentos, resfriamentos, enfim, cada fábrica tem seu segredo "industrial".

 

QUAL O MELHOR BREU PARA O MEU INSTRUMENTO?

Todo breu tem sua fórmula composta a partir do aquecimento e purificação da seiva dos pinheiros, misturando-a com outros ingredientes para personalizar a aparência e a textura. Como acontece com qualquer acessório de instrumento de cordas, existem muitas variações na qualidade. Além da aderência, já citada acima, alguns outros fatores, como temperatura e umidade, também, desempenham um papel importante na escolha do breu.

Também existem os breus que não tem especificidade, podendo ser utilizados em qualquer instrumento ou em qualquer tipo de corda. Outros, oferecem fórmulas que podem ser utilizadas em qualquer clima ou temperatura. Atualmente, existe muitíssimas marcas e modelos de breus no mercado. A escolha muitas vezes é difícil e requer atenção à alguns fatores. Vejamos eles:

Aderência

Normalmente, os breus são feitos especificamente para uma categoria de instrumento, ou seja, breu específico para violino, viola, violoncelo ou contrabaixo. Um breu de violino normalmente tem aderência menor do que um breu para violoncelo ou contrabaixo. Suas composições e resinas são feitas para o breu ficar no ponto certo para ser tocado naquela categoria específica de instrumento.

Modelo de Corda

Alguns breus são indicados para determinados tipos de cordas, ou seja, breu específico para cordas de aço, nylon ou tripa. Estes tipos de breu são mais incomuns, mas algumas marcas até colocam o nome do breu associado à sua marca ou modelo de corda.

Temperatura e Clima

Outros modelos de breus são feitos com composições e materiais específicos para determinada temperatura ou clima. Algumas marcas já especificam isto na embalagem ou no anúncio do breu. Tivemos um exemplo de um músico que morava e tocava numa cidade muito quente, ele comprou um breu, que continha uma determinada resina, ideal para tocar em regiões e climas frios. Em dois ou três meses sua crina estava grudenta e o arco travava na corda. O músico teve de trocar a crina do seu arco para solucionar.

Existem muitas variantes para falarmos qual o melhor breu, mas podemos afirmar que o melhor é aquele que se adequa à sua necessidade, ou aquele que seu professor ou amigo indicou, ou aquela marca preferida, ou o breu com menor ou maior preço etc.

O que podemos é citar aqui o nome das principais marcas de breus do mundo: Thomastik-Infeld, Andrea, Hidersine, Pirastro, W. E. Hill & Sons, Thorvaldsson (que fabrica o Jade, Paris Superieure, Milant Deroux, Sartory e outros), Gustave Bernardel, Samuel Kolstein, Yumba, Bella Rosins, Royal Oak, Walter Geipel, Larsen, D´Addario, Carlsson Nymans, entre outros. Nos nacionais, atualmente, existem marcas tradicionais com breus de entrada: Grace, Paganini e Rio Claro RC.

 

O BREU DURA QUANTO TEMPO?

A duração de um breu é difícil determinar, pois depende de cada músico ou da quantidade que cada fabricante oferece.

Com alguns músicos, que tocam profissionalmente ou estudam muitas horas por dia, o breu pode durar um, dois, três anos ou um pouco mais. Se o músico toca somente em cultos religiosos ou utiliza muito pouco o instrumento, o breu poderá durar muito mais.

Mas, com o passar do tempo alguns breus endurecem de tal forma que fica inviável sua utilização, ou seja, perdem sua vida útil. Outro fator, que acontece constantemente, é o de quebrar. Muitos músicos deixam cair e o breu se despedaça todo. Para isto, não há outra solução senão comprar outro.

Os músicos também costumam trocar para experimentar outras qualidades, ou por troca de cordas, por diferenças de clima, mas, em geral, o breu tem uma durabilidade muito grande e não há necessidade de comprar constantemente.

 

QUAL A DIFERENÇA ENTRE O BREU PRETO E O CLARO?

Esta é uma pergunta que os músicos nos fazem constantemente, e a resposta é simples: não há uma resposta objetiva com as diferenças. Cada fabricante possui uma receita, com misturas de resinas diversas e processos distintos. Só por isso, já podemos saber que cada marca ou modelo de breu vai ter cor diferente um do outro. Podemos observar entre as marcas breus com cor âmbar, marrom, preta, dourada, verde, vermelha, entre outras.

Alguns músicos afirmam que os breus mais escuros soltam menos poeira, portanto, sujam menos o violino e duram mais. Outros dizem que os breus mais claros são mais macios. Mas, não podemos afirmar nenhuma destas teorias. O que dizemos aqui na HPG é que a escolha do breu não deve ser tomada pela cor, mas por sua qualidade de fabricação, materiais utilizados, e o que ele oferece em questão de som.