Violoncelo Elétrico Auro Brazolim 4 Cordas

SKU
1000000000160
Em estoque
a partir R$7.346,00

12 x de R$612,17 sem juros

R$6.978,70 á vista

-
+
Descrição Rápida

 

O violoncelo elétrico Auro têm um design moderno, estilizado, funcional e elegante. Proporciona conforto para tocar e seu timbre soa natural. A base do corpo é feita em madeira Marupá e o braço em Maple ou Mogno.

  •  Até 10x no cartão s/ juros
  •  Desconto no Boleto/TED/PIX
  •  Rastreio Disponível
  •  Envio após aprovação de pagamento
  •  Entrega Rápida para Capital-SP
Disponível para:
- Retirar na Loja
- Receber em Casa

 

 

Toda a parte eletrônica, incluindo captadores e circuitos, são desenvolvidos e produzidos pela própria empresa, resultando num timbre natural, quente e harmonicamente rico. A fabricação é manual, com design próprio.

Os instrumentos Auro surgiram a partir da experiência dos irmãos Maurício e Gilberto Brazolim na construção de guitarras. Em 1997 foram feitos os primeiros testes para o desenvolvimento do que é hoje uma linha profissional de instrumentos que são exportados desde 2014.

 

  • Violoncelo elétrico 4/4
  • Marca Auro Brazolim
  • Modelo 4 cordas
  • Design Mauricio Brazolim

 

  • Base do Corpo em madeira
  • Braço em Maple ou Mogno
  • Espelho em Ébano ou Muiracatiara
  • Estandarte em Ébano
  • Tarraxas individuais em metal
  • Blend control
  • Controle de volume
  • Timbre natural
  • Saída P10
  • Origem de fabricação Brasil
  • Peso: 3.1 kg
  • Comprimento total: 134 cm
  • Garantia de 90 dias contra defeitos de
  • fabricação
  • Vem com Capa
  • Não Acompanha Arco
Mais informações
marca Auro Brazolim
Origem Brasil
Condição Novo
Tamanho 4/4
Nível Avançado
Modelo Elétrico, Fábrica
Escreva sua Própria Avaliação
Produto:Violoncelo Elétrico Auro Brazolim 4 Cordas
Como você avalia este produto?
Talvez você se interesse por estes produtos
Aurora Violinos e Violoncelos Elétricos

 

ATELIER AURORA VIOLINOS ELÉTRICOS

A AURORA é uma marca fabricante de Violinos e Violoncelos Elétricos e Captadores para instrumentos musicais. Surgiu a partir da experiencia dos irmãos Maurício e Gilberto Brazolim na paixão em construir guitarras elétricas, captadores e outros diversos instrumentos musicais.

Toda a experiência que desde 1997 fez estes irmãos desenvolverem excepcionais instrumentos de linha profissional, reconhecidos por muitos musicos e inclusive exportados desde 2014 para diversos países. Marca BRASILEIRA reconhecida internacionalmente por seus Violinos e Violoncelos Elétricos Profissionais, utilizados por grandes nomes da música em todo o mundo. 

Toda a parte eletrônica, os captadores e circuitos também são desenvolvidos e produzidos pela própria empresa, proporcionando aprimoramentos, timbres naturais e ricos. Seus violinos e violoncelos têm sua fabricação manual, com design próprio, aliando ergonomia e estética.

 

Violoncelos

O QUE É VIOLONCELO?

O violoncelo, conhecido também como cello, é um instrumento musical que faz o 'baixo' no grupo de instrumentos friccionados. Os primeiros violoncelos foram desenvolvidos durante o século 16 e feitos com cinco cordas, mas atualmente tem 4 cordas e são tocados com arco, por isto se enquadram na família de instrumentos de arco friccionados.

Alguns grandes fabricantes de violinos, como Andrea Amati (1505–1577) e família, Gasparo Bertolotti 'da Salò' (1540–1609) e Paolo Maggini (1580-1630), começaram a fazer o que hoje é conhecido como violoncelo. A estes luthiers foram creditados com os primeiros designs de violino baixo, ou violinos com vozes mais graves. Mas, Antonio Stradivari (1644–1737) é um dos mais reconhecidos por determinar o tamanho padrão do violoncelo moderno. Depois de 1710, ele começou a criar violoncelos nas dimensões que outros fabricantes em toda a Europa logo adotaram, tornando tamanho padrão para o instrumento.

Outras mudanças nos cello foram feitas por diversos luthier durante o passar dos anos, mas nada que viesse a tirar sua posição nas orquestras e sua popularidade. O violoncelo hoje tem quatro cordas, La (A), Re (D), Sol (G) e Do (C), tem o desenho parecido com o violino, mas tem proporcionalmente um braço mais curto do que o violino.

Uma curiosidade interessante é que Luigi Boccherini (1743-1805), um virtuoso músico e compositor do violoncelo, é considerado o defensor mais importante do instrumento. Boccherini foi um dos primeiros a tratar o violoncelo mais do que um instrumento, tratou-o como uma voz.

 

VIOLONCELO DE LUTHIER

Os violoncelos podem ser feitos por fábricas, oficinas e luthiers. O luthier é o especialista na construção e reparação de instrumentos de corda. Na história do violoncelo grandes nomes da luteria, como citados acima, Andrea Amati (1505–1577) e família, Gasparo Bertolotti 'da Salò' (1540–1609), Paolo Maggini (1580-1630) e Antonio Stradivari (1644–1737), ficaram reconhecidos pela invenção e padronização, mas outros nomes importantes também devem ser reconhecidos e citados aqui como grandes construtores de violoncelo, tais como: Nicolò Gagliano (1710–1785), Matteo Goffriller (1659–1742), Giovanni Battista Guadagnini (1711–1786), Charles Mennégand (1822–1885), "Domenico Montagnana" (1686–1750), Giovanni Battista Rogeri (1642–1710), Francesco Ruggieri (1628–1698), Stefano Scarampella (1843–1925), David Tecchler (1666–1747), Carlo Giuseppe Testore (1660–1716), Jean Baptiste Vuillaume (1798–1875), entre outros.

Atualmente, existem diversos luthiers que fazem violoncelos de excelente qualidade, alguns replicando modelos consagrados e outros criando seus próprios instrumentos. Por vezes, os violoncelos de luthiers tem preços mais elevados e são muito procurados por músicos que tocam profissionalmente. Outras opções são os instrumentos de fábricas ou feitos em oficinas de luteria. Os cellos de oficina têm sua fabricação artesanal, geralmente são réplicas de violoncelos antigos, oferecem qualidade superior e padrões de espessuras e medidas muito corretos, e por vezes, levam o nome do luthier responsável pela oficina. São instrumentos com padrão de luteria, mas oferecidos com preço mais acessível. 

 

TIPOS DE VIOLONCELO E QUAL COMPRAR?

São tantos os aspectos que permitiram o violoncelo se tornar tão popular e atemporal, sendo utilizado no mundo inteiro até hoje. No universo do violoncelo existem os cortadores de madeira, os fabricantes, os luthiers, os músicos violoncelistas, as orquestras, as igrejas, colecionadores, comerciantes, estudiosos, professores, alunos, e por aí vai. Todo esse ecossistema alinhado à uma longa história faz com que os violoncelo custem desde alguns reais até milhões de Dólares.

Hoje os violoncelos podem ser acústicos ou elétricos e são usados ​​para tocar música folk, clássica, jazz, popular, e diversos outros estilos. Históricamente, sempre foram feitos com corpo de madeira, mas hoje já existem cellos feitos em fibra de carbono, acrílico e outros materiais. As madeiras mais comuns utilizadas no corpo do violoncelo são o Acero e Abeto, mas alguns fabricantes e luthiers experimentam e utilizam outras madeiras que também ressoam muito bem, e que podem ser utilizadas na fabricação.

Os violoncelos são feitos em vários tamanhos. Para crianças, os violoncelos começam, normalmente, nos tamanho 1/8, 1/4, 1/2 ou 3/4, e à medida que crescem avançam para os tamanhos 7/8 ou 4/4. Mas, a escolha do violoncelo não se baseia somente no tamanho, tem de levar em consideração o conforto, a tocabilidade, materiais utlizados, qualidade na fabricação, o visual, a experiência do fabricante, e principalmente o SOM.

O som dos violoncelos pode apresentar muitas diferenças, dependendo do formato do corpo, materiais utilizados, o timbre que o fabricante quis deixar, e outros diversos aspectos. Para um violoncelo ser definido como iniciante, intermediário ou profissional, é algo um pouco subjetivo e complexo de ser feito, pois depende de diversas aspectos que envolvem sua fabricação. O mais importante é que o instrumento perfeito para você seja aquele que te agrada, ou que você necessita para determinada execução, ou aquela indicação de um professor, ou mesmo de um músico, enfim, que o seu cello seja o melhor para você.